lima-peru
Comida Dica Hospedagem Praia

Quer saber o que fazer em Lima? Confere essas dicas e aproveite.

A cidade de Lima nos surpreendeu. Quando marcamos a viagem acabamos deixando o lugar mais como um ponto de chegada e partida e ai ficou um pouco picotada nossa estadia por lá, mas achamos que uns 3 dias completos é o suficiente para conhecer o principal.

 

Como chegar?

Para ir para Lima, você deve comprar uma passagem para o aeroporto de Jorge Chávez, que fica na verdade em Callao, cidade vizinha, cerca de 30 minutos do centro de Lima. A melhor maneira é contratar um transfer  ou pegar um taxi (procure as empresas dentro do aeroporto que são de mais confiança) do aeroporto para o hotel. Lembrando que os taxis no Peru não possuem taxímetro, então o melhor a fazer é negociar o preço da corrida antes mesmo de entrar no carro, e não repare no trânsito caótico de lá, acho que só quem nasceu na cidade para conseguir entender.

 

Documentação e vacinas

Para entrar no Peru não é necessário ter passaporte nem visto, o seu RG (identidade) Original é aceito mas fique atento pois seu documento tem que estar em bom estado e com menos de 10 anos de emissão. Agora se quiser levar o passaporte, ele deve estar com validade mínima de 6 meses.

Importante lembrar que documentos como CRM, OAB, carteira de motorista ou qualquer outro documento desse gênero não serão aceitos para você entrar no país.

A vacina contra febre amarela não é exigida mas é sugerida pelo Governo Peruano e se você for assim como nós fazer uma trilha é recomendado tomar esse cuidado.

 

Onde ficar?

Bom nós escolhemos o bairro de Miraflores, e achamos que é um dos melhores bairros para se hospedar. Ficamos no Ibis Larcomar, uma ótima opção para quem não quer gastar muito e nem ter surpresas na hospedagem. Ele fica super bem localizado e cumpre bem o padrão Ibis.

 

O que fazer?

O bairro de Miraflores é uma delícia para ser explorado a pé. Comece pelo charmoso shopping a céu aberto, o Larcomar com uma vista belíssima do Pacífico e siga em direção ao Parque do Amor, onde fica a famosa estátua O Beijo, de Victor Delfín além de frases famosas de artistas peruanos escritas nos muros.  De lá siga até o Farol de La Marina para apreciar ao por do sol, e se você for dos mais aventureiros, pode até encarar um voo de parapente e curtir a vista de um outro ângulo.

por-do-sol-miraflores-peru

1

Outra atração em Lima é fazer o centro histórico, visitando a Plaza de Armas, Catedral de Lima, Convento de San Francisco e Catacumbas. Esses dois últimos fizemos a visita guiada pagando S./10 por pessoa. Confessamos que a visita pelas catacumbas são um tanto aguniantes, caso você tenha fobia de lugares fechados e cheios de ossos, esse não é o passeio mais indicado.

Ainda no centro, procure o Bar/Restaurante Cordano, que é um dos mais antigos do centro histórico e foi frequentado por presidentes, poetas e artistas. Nós não comemos lá, só tomamos uma Cusqueña  Dorada e outra de trigo bem gelada mas achamos que vale a pena dar uma passada nem que seja só para dar uma espiadinha, afinal são mais de 100 anos que o local está aberto.

Restaurante-Cordano-lima-peru
praça-de-armas-lima-peru
img_0331
img_0275

 

Parque de La Reserva

O parque é um passeio divertido para fazer com a família. Nós fizemos a noite, pois as fontes se iluminam dando um toque especial para o local. Para nós as fontes mais divertidas foram a Fuente Del Labirinto del Ensueño, onde as pessoas podem entrar na fonte quando a água baixa e de repente ela sobe e as pessoas ficam “presas” nesse labirinto.  O mais engraçado é que você nunca sabe quando a água vai subir ou descer, então se prepare, pois você pode tomar um banho a qualquer momento. Diversão garantida para os pequenos e para os grandes também. E o Túnel de lãs Sorpresas, é um túnel de água que você pode atravessar sem se molhar, é bem legal também.  Além dessas, o parque conta com várias outras fontes e um show de água, luz e projeção com horários marcados às 19:15 – 20:15 – 21:15 .

Para entrar no parque é preciso pagar S./4 por pessoa.

Parque-de-La-Reserva-lima-peru
img_0401
img_4404

 

Parque Kennedy

Fica no bairro de Miraflores, e é cheio de gatos que não fazem a menor cerimônia. Passam o dia ao sol, curtindo e esperando agrado de quem passa por lá. Ele é super florido e rodeado por lojas, bares e restaurantes. Lá também fica a Igreja da Virgem Milagrosa, que é linda.

Existem várias outras opções do que fazer por Lima, mas como dissemos, nossa estadia acabou ficando bem picotada então só conseguimos fazer isso.

Mas em uma próxima viagem gostaríamos de fazer o Sítio Arqueológico Huaca Pucllana localizado em Miraflores que dizem ser recheado de cultura e história, além de contar com um restaurante no local que é super bem avaliado.  O boêmio bairro de Barranco, vizinho de Miraflores também nos pareceu bem interessante, onde tem que incluir no passeio a Ponte de Los Suspiro onde segundo a lenda, se você atravessa a ponte prendendo a respiração, seu pedido é realizado.

praça-kennedy-lima-peru

 

Como circular pela cidade?

A melhor maneira de conhecer a cidade é a pé e de taxi. Nos taxis os valores das corridas são por trajeto e não por taxímetro como estamos acostumados, então é bom pechinchar antes. E não se assustem com o trânsito que beira ao caos. Acho que só quem nasce lá para conseguir se entender, então nada de alugar carro senão só vai passar nervoso.


Se está pensando em ir para o Peru, não deixe de reservar uns dias para conhecer Lima que vale a pena.


 Sugestão de roteiro para Lima:

1ºdia: Pela manha caminhar pelo Parque Kennedy e seguir em direção ao Shopping Larcomar. Almoce por lá mesmo que possui diversas opções para diversos gostos e bolsos, além de curtir uma vista incrível do Pacífico. Depois de passear pelo shopping siga até o Parque do amor e finalize seu dia indo até o Farol de La Marina e contemple um por do sol maravilhoso.

2ºdia Visite o Centro histórico, incluindo a Plaza de Armas, Catedral de Lima, Convento de San Francisco e Catacumbas. Não deixe de conhecer o Bar/Restaurante Cordano e no final da tarde siga até o Parque de La Reserva.

3ºdia: Conheça o Huaca Pucllana e almoce por lá mesmo, pois vimos vários elogios ao restaurante. De tarde siga para o bairro Barranco, atravesse a ponte de Los Suspiros, vá curtir por do sol e depois aproveite para conhecer seus bares e restaurantes que são bem badalados.

 

Arruma a mala aê e partiu curtir Lima.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *